Sábado, 20 de Julho de 2024
23°C 38°C
Imperatriz, MA
Publicidade

PF apreende mais de R$ 300 mil e prende suspeito de fraudar o auxílio emergencial em Bacabal

PF apreende mais de R$ 300 mil e prende suspeito de fraudar o auxílio emergencial em Bacabal

17/03/2023 às 18h11 Atualizada em 17/03/2023 às 18h12
Por: Redação
Compartilhe:
PF apreende mais de R$ 300 mil e prende suspeito de fraudar o auxílio emergencial em Bacabal

 Ainda foram apreendidos, na casa do investigado, documentos falsos, 129 munições calibre .38, araras e pássaros da fauna silvestre.


Continua após a publicidade

A Polícia Federal apreendeu, na manhã dessa quinta-feira (16), no município de Bacabal, mais de R$ 300 mil em espécie na casa de um suspeito de fraudar o benefício auxílio emergencial.

A Polícia Federal cumpriu mandado de busca e apreensão e realizou a prisão preventiva do investigado, por suspeita de fraudes ao auxílio emergencial, benefício social criado pela Lei nº 13.982/2020 para auxiliar a população com dificuldades financeiras em razão da pandemia da COVID-19.

Foram decretadas, ainda, medidas de sequestro de bens e bloqueio de valores para ressarcimento do prejuízo ocasionado aos cofres da União em virtude da fraude realizada, cujo montante total será apurado posteriormente com o prosseguimento da investigação.

Continua após a publicidade

De acordo com a PF, os trabalhos realizados são resultantes de uma união de esforços denominada Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, CAIXA, Receita Federal, ControladoriaGeral da União e Tribunal de Contas da União.

Os valores oriundos dos benefícios de auxílio emergencial eram suprimidos das contas vítimas e destinados ao pagamento de boletos bancários cujo destinatário figura como investigado principal.

Continua após a publicidade

Além de diversos documentos falsos e instrumentos utilizados para falsificação, foram apreendidos na casa do investigado R$ 302.335,00 em espécie sem declaração de origem lícita, 129 munições calibre .38 sem a devida autorização legal, araras e pássaros da fauna silvestre desacompanhados de autorização/licença/permissão da autoridade competente. Tais fatos ensejaram, ainda, a prisão em flagrante do investigado pelos crimes de posse ilegal de munição de uso permitido e utilização de espécimes da fauna silvestre sem a devida autorização/licença/permissão da autoridade competente.

A Operação Baluarte faz alusão ao imóvel em que reside o investigado, edificação cercada de modernas câmeras de vigilância e com estruturada diferenciada quando comparada às demais residências do local, figurando como uma espécie de fortaleza onde se escondia o alvo.


O responsável pela fraude está sendo investigado pela prática dos crimes de furto qualificado mediante fraude, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica. As penas máximas podem atingir 23 anos de reclusão.

Fonte: Blog do Gilberto Lima


* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Imperatriz, MA
24°
Tempo limpo

Mín. 23° Máx. 38°

24° Sensação
1.03km/h Vento
53% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h20 Nascer do sol
06h11 Pôr do sol
Dom 38° 19°
Seg 38° 19°
Ter 38° 20°
Qua 38° 21°
Qui 38° 22°
Atualizado às 04h03
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,60 +0,00%
Euro
R$ 6,10 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 395,855,57 -1,01%
Ibovespa
127,616,46 pts -0.03%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade